Testamos: Call of Duty Black Ops: Declassified para PS Vita

31 0
Testamos: Call of Duty Black Ops: Declassified para PS Vita

Call of Duty Black Ops: Declassified

Call of Duty Black Ops: Declassified é real, e nós jogamos. Acho que o maior elogio que posso fazer é dizer que, bem, parece e funciona como Call of Duty. Correr e atirar, a mira, as notas em Bank Gothic pipocando quando você acertar um tiro à distância ou interromper o Killstreak de um oponente, os carregamentos de armas e modos multiplayer – estão todos lá, renderizados na brilhante tela OLED do PS Vita e, pela primeira vez, jogável com as duas alavancas analógicas em um dispositivo portátil.

A apresentação do gerente de produto da Activision, Ryan Scott, na gamescom foi direto ao ponto, começando com o multiplayer do jogo oferecendo uma grande consideração para qualquer título Call of Duty de respeito. O multiplayer em Black Ops Declassified suporta até oito jogadores via Wi-Fi em oito mapas, abrangendo modos de jogo essenciais como Free for All, Team Deathmatch e Kill Confirmed, com outros “modos clássicos de Call of Duty” prometidos. Outras mecânicas características de Call of Duty como Create-a-Class, Killstreaks, XP, Perks e Prestige estavam todas presentes e representaram muito bem.

Testamos: Call of Duty Black Ops: Declassified para PS Vita

Então como a desenvolvedora Nihilistic está se adaptando a Call of Duty para PS Vita? Após jogar uma partida do novo mapa “Shatter”, é claro que as metas foram mudar o mínimo possível. De fato, após inverter o Y-axis, não me importei em perguntar aos desenvolvedores sobre os controles – tudo estava onde eu esperava.

Acessar a faca, a granada de luz e a granada de fragmentação que são acionadas com o L2/R2 ou L3/R3 no PS3 são facilmente acessadas da tela de toque frontal. Para arremessar uma granada, basta arrastar o ícone da granada na tela para onde você quer jogá-la, ou segurá-la para prepará-la antes da explosão. Poder mirar a sua granada enquanto atira em outra direção é um novo esquema tático para a série, e um que certamente será alavancado por jogadores mais experientes. A faca é ainda mais rápida de usar, pois você pode acertar qualquer parte da tela que não está sendo usada para algo e utilizar sua navalha. É uma implementação muito prática, já que os jogadores não ficarão atrapalhados para apertar um pequeno ícone durante um encontro CQC caloroso, e achamos que isso seria rápido e com boa resposta.

Call of Duty Black Ops: DeclassifiedCall of Duty Black Ops: Declassified

Aqueles importantes Killstreaks funcionam do jeito que você sabe. Quando desbloquear um killstreak, o ícone pipoca do lado esquerdo da tela e você o ativa com um toque. O ataque com morteiros ficou bastante simples: toque o ícone para abrir o mapa, toque o alvo e lance uma chuva de fogos mortais para aniquilar a oposição.

E sobra a corrida, que é executada ao apertar para baixo no direcional digital. A alavanca esquerda e o direcional digital ficam bem próximos no PS Vita, e você pode usar a ponta do dedão para acioná-lo sem problemas, mantendo o dedo para se recuperar rapidamente. A única função que vimos para o painel de toque traseiro foi para segurar o ar enquanto estiver mirando com a sniper – não é algo que você ativa acidentalmente.

Create-a-Class tem suporte a carregamentos personalizado e Perks. Black Ops: Declassified também aproveitará a funcionalidade geo-social “near” com Share-a-Class, que permite transmitir classes de personagens via Wi-Fi utilizando o “near”, e também permite que seus amigos acessem carregamentos de armas que eles ainda não desbloquearam no progresso normal. Prestige também estão confirmados.

Call of Duty Black Ops: Declassified

Visualmente, o mapa multiplayer “Shattered” chamou bastante atenção, com partículas de poeiras, pedaços de pano, arquitetura em frangalhos e uma taxa de quadros estável.

O conteúdo single-player não foi mostrado, apesar da Activision ter confirmado que será baseado em missões com objetivos, além de missões de tempo e sobreviviência, para manter a experiência ajustada para um jogo portátil. Elas serão ligadas à história original, que acontece entre Call of Duty: Black Ops e o futuro Black Ops 2. Quer saber o que aconteceu a Hudson, Mason e Woods antes de Black Ops 2? Agora você sabe o que fazer.

Com base no que vimos e jogamos, Call of Duty Black Ops: Declassified pareceu melhor do que esperávamos – só que agora você pode levar a experiência com você no PS Vita. Para os fãs de Call of Duty, esse é o caminho certo.

Call of Duty Black Ops: Declassified chega em novembro próximo. Quer saber sobre coisas mais específicas? Deixe as perguntas nos comentários. Vamos falar com a desenvolvedora Nihilistic em breve, e faremos de tudo para levar as suas questões.

Os comentários estão fechados.

31 Comentários


    Loading More Comments

    Por favor, informe a sua data de nascimento.