PlayStation.Blog BR

Days Gone no PS4: A Origem de um Anti-herói

3 0
Days Gone no PS4: A Origem de um Anti-herói

Semana passada, na E3, o estúdio SIE Bend revelou Days Gone, seu mais novo título para PS4. Uma aventura brutal num mundo pós-apocalíptico, Days Gone segue a história de Deacon St. John – um andarilho e caçador de recompensas subsistindo no Grande Deserto do Noroeste do Pacífico.

Nós batemos um papo com o time de desenvolvedores nos bastidores em Los Angeles para descobrir um pouco mais sobre o protagonista e por que seus antecedentes são tão importantes para o jogo.

Se há algo que o time da Bend está disposto a transmitir sobre esse universo é um mundo cão, é a natureza intransigente e cruel das coisas. “Pessoas desesperadas fazem o que pessoas desesperadas precisam fazer para sobreviver”, explica Ron Allen, o diretor criativo.

“Na maioria de jogos de mundo aberto, quando há perigo, em geral é porque você está colhendo o que plantou. Em Days Gone, o mundo é perigoso – sempre”.

Depois de ver hordas de ‘Freakers’ infectados abarrotando o ambiente no clipe que foi ao palco da coletiva de imprensa da PlayStation na E3, não temos dúvida do que ele quer dizer.

“Basicamente qualquer sobrevivente da pandemia teve que ter algo especial dentro deles – as habilidades certas para roubar, matar e sobreviver em um mundo cruel”, ele continua.

“Se você não sabia só pela marca em suas costas, em sua vida passada, Deacon St. John fazia parte de uma gangue de motoqueiros. Ele aprendeu um bocado com esse grupo, e isso o ajudou a sobreviver”.

Days Gone for PS4Days Gone for PS4

O time não recua da personalidade anti-heróica de seu protagonista. “Ele é um cara perigoso. Está usando suas habilidades onde pode – e seu apetite por violência e caos o ajudam a ser bem sucedido.”

“Ele pode achar coisas pelo mundo e fazer ferramentas melhores. Por exemplo, você verá que ele alinhou o cano de sua pistola de forma similar a um filtro de óleo, então se ele encontrar filtros por aí, ele pode anexá-los a sua arma, o que lhe dará um supressor improvisado por alguns disparos.”

Nós perguntamos o quão importante é o papel de seu veículo de escolha – uma moto cheia de lama – no jogo.

“A motocicleta tem um papel muito, muito importante”, ele nos assegura.

“É extremamente ágil – um carro não entra em certos espaços, e não pode fazer certas coisas que uma motocicleta pode. Não é uma moto típica de gangue. Ele adaptou a coisa toda para funcionar nesse mundo selvagem. Não tem como fazer pulos ou passar pelo tipo de terreno que se vê no jogo com uma moto estilo Harley.”

Ron explica que você pode não apenas guardar itens extras na moto, mas é também o jeito primário de atravessar o mundo e, é claro, escapar dos ‘Freakers’ supracitados.

Apesar da insistência do time em fazer um mundo intransigente e cão, Ron está ansioso para dividir as ambições mais profundas da Bend para Deacon e sua história.

Days Gone for PS4

“É sobre a condição humana – esse cara é um homem quebrado”, explica o diretor criativo.

“Muitos de nós são motoqueiros. É uma cultura realmente vibrante. Ocasionalmente, ela é associada a criminosos, caos e violência, mas também tem irmandade e família. É porque Deacon sofreu tantas perdas que ele se agarra a esse aspecto de seu passado, e dá tanto valor para essas relações. É sobre se encontrar, porque ele não é mais parte de sua gangue de motoqueiros.”

Nós teremos mais notícias sobre o mais novo projeto da Bend Studio’s conforme o desenvolvimento progredir.

Comments are closed.

3 Comments

  • SONY POR FAVOR. TRAGAM PARASITE EVE E GRANDIA 1 AMBOS JOGOS DO PLAYSTATION PARA A REGIÃO DO BRASIL DA PLAYSTATION STORE.

    FIQUEI SABENDO QUE ESTES DOIS JOGOS TEM NOS ESTADOS UNIDOS MAS NÃO TEM NO BRASIL

    GRANDIA 1 E PARASITE EVE NA PLAYSTATION STORE BRASILEIRA POR FAVOR! SISTEMA PLAYSTATION 3

    • Que cara MALA! Pedindo esses jogos pré históricos.. pedi algo decente cidadão!

  • Maluco!!! Esse com toda certeza eu irei jogar.

Please enter your date of birth.