Como os inimigos alienígenas de Returnal foram criados: tecnologia, tentáculos e inspiração do fundo do mar

1 0
Como os inimigos alienígenas de Returnal foram criados: tecnologia, tentáculos e inspiração do fundo do mar

Conheça as terríveis criaturas que testarão suas habilidades de sobrevivência em Atropos

Olá pessoal! Estamos cada vez mais animados com o lançamento de Returnal no dia 30 de abril, e queremos compartilhar mais detalhes sobre a jornada de Selene. Desta vez queremos falar sobre as forças hostis que ela enfrentará em Atropos. 

Como os inimigos alienígenas de Returnal foram criados: tecnologia, tentáculos e inspiração do fundo do mar

O planeta Atropos é um lugar escuro e misterioso, e cada ambiente tem seus próprios inimigos únicos para vencer: das criaturas orgânicas e parasitas que habitam as Overgrown Ruins, até as entidades cósmicas corrompidas que perambulam pelas areias dos Crimson Wastes e os autômatas mecânicos que patrulham a Derelict Citadel assombrada… Os jogadores encontrarão uma grande variedade de inimigos, e cada um possui seu estilo próprio de gameplay e ataques especiais, além de sua estética exclusiva.  

Quando criamos os inimigos orgânicos de Returnal, uma das maiores fontes de inspiração para mim foram as criaturas bioluminescentes das profundezas do oceano. São, de várias maneiras, as criaturas mais alienígenas que podem ser encontradas aqui na Terra. Há algo desconcertante e inerentemente pavoroso sobre o ambiente abissal para nós. A maneira que essas criaturas se movem no fundo do mar, com seus longos tentáculos e enfeites bioluminescentes. Podem parecer ora majestosas e belas, ora completamente aterrorizantes. Também não é raro que essas criaturas usem sua beleza luminosa para distrair sua presa (por exemplo, com um show de luzes), e logo em seguida atacam quando sua presa menos espera. A combinação de beleza caótica e agressão foi algo que tentamos capturar na estética dos nossos inimigos orgânicos.

Para isso, criamos a nossa própria tecnologia de efeitos visuais para tentáculos, que usamos bastante. Esses elementos completamente dinâmicos dão vida à beleza caótica dos inimigos da maneira que queremos, e também criam uma resposta incrível para os jogadores.  

Por exemplo, as emissões bioluminescentes dos tentáculos são bem destacadas, para telegrafar ataques e mostrar reações aos acertos quando são atingidos (ou quando um inimigo é morto, explodindo em uma bola de luzes e tentáculos). O forte destaque luminoso também nos lembra do aspecto Bullet Hell, onde os projéteis naturalmente herdam as propriedades e a “assinatura energética” dos inimigos, para criar uma estética coesa que reforça o gameplay. 

No nosso processo criativo, quisemos garantir que os inimigos fossem únicos e claramente de outro mundo, mas claro,  também queríamos criar um gameplay excelente. Em alguns casos, as nossas ideias para inimigos partiam de uma estética ou história que tentávamos contar – por exemplo, o nosso Mycomorph veio da ideia de um organismo parasita que cresce nos cadáveres de Selene, então você consegue ver seu crânio e caixa toráxica destruídos no meio do organismo parasita se olhar de perto. Mas, geralmente, seguimos uma abordagem onde o gameplay vem primeiro para os nossos inimigos em Returnal: pensamos no papel e no arquétipo que queríamos para cada bioma, e então trabalhávamos no protótipo deles não sozinhos, mas em conjunto. 

Embora vários dos nossos encontros sejam desafios à distância, alguns inimigos possuem ataques corpo-a-corpo que precisam ser evitados com cuidado também. Um exemplo são os Titanops agressivos que você pode ver no vídeo. Estas criaturas bípedes possuem um braço composto de tentáculos, e o outro é um osso exposto que ele pode usar em golpes devastadores. Os Titanops demoram bastante tempo para derrotar, tentando saltar para perto de você para golpeá-lo.  

A maioria das outras criaturas tenta manter distância. Por exemplo, nas Overgrown Ruins, o Mycomorph atira projéteis teleguiados agressivamente de muito longe. Ele pode teleportar para outros locais para encontrar pontos estratégicos, e também possui um ataque em estilo de granada que solta um monte de vinhas, que atrapalham o movimento do jogador. 

Nos Crimson Wastes, o Gorgolith é uma criatura que parece um caranguejo e que sempre tentará te emboscar. Este predador pode atirar uma saraivada de projéteis velozes, um laser de sua cauda, e uma onda de choque, além de surpreender com um ataque corpo-a-corpo usando um tentáculo se você chegar perto. Protegido por uma carapaça, seu único ponto fraco é na cabeça, então será preciso ter boas manobras defensivas e uma ofensiva constante, usando por exemplo, seu Focus Aim, que destaca os pontos fracos dos inimigos e aumenta sua precisão.  

No fim, a maioria dos nossos encontros destacam o nosso gameplay de projéteis estilo Bullet Hell, e os chefes possuem vários tipos de ataques que demonstram isso. Por exemplo, no alto dos céus dos Crimson Wastes, Ixion possui várias camadas de ataques diferentes para evitar: saraivadas com centenas de balas que se movem devagar que devem ser evitadas, ataques ultra velozes que acentuam o gameplay de correr e atirar, ondas de choque que demandam atenção constante e até tiros majestosos e teleguiados para aumentar ainda mais a intensidade do combate.  

Embora vários desses encontros sejam intensos, o gameplay único de Returnal pode ser visto apenas quando todos são combinados. Embora cada inimigo tenha seus próprios ataques e padrões para identificar, tentamos criar sinergias e parear os inimigos para garantir que funcionam bem em conjunto. Queremos garantir que os nossos cenários de combate sejam desafiadores e ao mesmo tempo divertidos, sem a possibilidade de parecerem injustos ou impossíveis de entender. 

É bom notar que a sua percepção espacial será testada constantemente em Returnal. É preciso se manter em movimento e usar todas as ferramentas à disposição de Selene para vencer, ao mesmo tempo se mantendo sempre alerta às ameaças que aparecem por todo lado. As nossas fases possuem muita verticalidade, então será preciso sempre avaliar o ambiente para evitar a chuva de projéteis e tentar alcançar pontos estratégicos para eliminar inimigos. O uso do seu Dash será crucial, e ele pode ser usado livremente como ferramenta de navegação, mas também para evitar projéteis sem sofrer danos, e ataques corpo-a-corpo de última hora. Já falamos sobre as várias armas e upgrades que Selene terá em outro post, e você terá mesmo que usar todas as suas ferramentas e movimentos para sobreviver em Atropos. 

Esta é apenas uma pequena prévia dos vários encontros e combates que veremos em Returnal. Estamos muito animados para os jogadores conhecerem o jogo completo no dia 30 de abril.

Os comentários estão fechados.

1 Comentário

Por favor, informe a sua data de nascimento.