Star Wars Battlefront II: Primeiras Impressões da Campanha, Relato do Multiplayer

0 0
Star Wars Battlefront II: Primeiras Impressões da Campanha, Relato do Multiplayer

Uma impressionante apresentação da campanha, e as primeiras notas sobre o multiplayer.

A proposta de Star Wars Battlefront II é de tirar o fôlego. Três grandes estúdios estão juntando forças para criar um jogo de tiro competitivo multiplayer profundo e repleto de nuance, ambientado nas três eras dos filmes de Star Wars. Simultaneamente, estão desenvolvendo uma nova trama pela perspectiva do império que revela os eventos entre O Retorno de Jedi e O Despertar da Força. “Ambicioso” é pouco.

Mas baseado no que vimos e jogamos no evento EA Play nesse fim de semana, acho que a Motive, Criterion e DICE vão conseguir fazer exatamente isso.

Vamos começar pela campanha, que estava linda rodando no PS4 Pro. Na minha demo de 10 minutos, assisti à comandante imperial Iden Version, líder do Inferno Squad, um grupo de elite, resistindo a um ataque rebelde com graça letal.
Em termos de ritmo, ação e proficiência técnica em geral, essa demo foi uma experiência frenética. Pego a bordo de um Destróier Estelar em meio a um ataque rebelde, Iden saltou em um Caça TIE e o jogo alternou de forma transparente para uma batalha especial intensa.

Depois de varrer os lutadores inimigos, a pessoa que controlava a demo pilotou o Caça TIE de Iden em direção ao cruzador rebelde — direto na doca de aterrissagem! — e derreteu metade das entranhas da nave em uma saraivada de tiros. Então Iden saltou para fora para terminar a luta à pé em um tiroteio tense dentro dos corredores confusos da nave. Nota importante: no meio de todas essas trocas de perspectiva, não se viu uma tela de carga de dados sequer.

Dentro do cruzador rebelde, pude ver o repertório de combate de Iden. Seu dróide de combate já está se provando um recurso mortal: vi ele eletrocutar tropas rebeldes, com raios que saltavam entre múltiplos combatentes. Outras habilidades do dróide de combate também estarão disponíveis dependendo do seu estilo de jogo.

Star Wars Battlefront II for PS4

Mais tarde, conversei com Mark Thompson, diretor da campanha de Battlefront II, para descobrir mais sobre como a EA Motive capturou o espírito e energia dos filmes. “Sou um exercício fantástico em analisar como Battlefront funciona, e como a narrativa cinematográfica de Star Wars funciona, juntar essas duas ideias e ver onde está a interseção,” Thompson disse. “Foi uma das pré-produções mais interessantes e cativantes que já passei em um projeto.”

Com o fim da demo da campanha, estava pronto para testar pessoalmente o modo multiplayer, que recebeu uma enorme atualização desde o jogo de 2014. As partidas de larga escala — com até 40 jogadores — são um furacão de destruição e carnificina, e evocam de forma sutil os elementos da série Battlefield da DICE.

Durante meu tempo jogando no PS4 Pro, experimentei um modo chamado Assault on Theed, ambientado em Naboo durante a era da primeira trilogia, com o objetivo de evitar que o transporte de dróides que se aproximava disparasse seus canhões de íons, enquanto os Dróides recebiam a tarefa de chegar à sala do trono para terminar a partida.

Algumas observações-chave da minha sessão multiplayer:

  • Há quatro classes para selecionar, cada uma com um papel distinto na luta. Officers espreitam nos bastidores, ajudando colegas próximos e instalando torretas para oferecer cobertura. Heavy troopers dependem de escudos fortes, muita energia e poder de fogo intimidador. Specialists são atiradores de elite que colocam armadilhas, enquanto Assault troopers empurram a linha de frente e abrem quartos com uma arma especial semelhante a uma espingarda mortal.
  • As habilidades estão atualmente mapeadas ao L1, R1, e a habilidade especial é ativada apertando L1 + R1.
  • Star Cards estão de volta, mas funcionam mais como modificadores de personagem, melhorando ou alterando as habilidades-base das classes. Star Cards mais raras oferecem bônus maiores.
  • A versão atual estava limitada a apenas duas armas por classe, mas o jogo final incluirá mais poder de fogo, assim como a habilidade de instalar aditivos às armas.
  • A invocação de heróis também mudou; ao invés de pegar um item, você receberá Battle Points ao causar dano em inimigos e completar objetivos. Recolha o suficiente deles e poderá gastá-los em veículos, elite troopers como o B2 Super Battle Droid ou Clone Jumptrooper, ou nas esferas mais altas, Heróis como Darth Maul e Rey, todos abençoados com vantagens táticas únicas. O Clone Jumptrooper é um favorito precoce, capaz de mobilidade extrema e ataques devastadores com foguetes.

No fim das contas, certamente é um começo promissor para Star Wars Battlefront II – é definitivamente um jogo de tiro para ficar de olho esse ano. Alguma pergunta? É só nos informar nos comentários!

Por favor, informe a sua data de nascimento.