PlayStation.Blog BR

25 Fatos Adoráveis Sobre The Playroom VR

0 0
25 Fatos Adoráveis Sobre The Playroom VR

Olá, pessoal! Hoje temos mais novidades sobre The Playroom VR, um jogo incluído gratuitamente para os donos do PlayStation VR.

Depois de mergulhar no modo multiplayer, na criação de personagens, na diversão de atuar como um jogador de realidade virtual e após lembrar os nossos primeiros protótipos, que tal contarmos agora alguns segredos e novos recursos que talvez você nem saiba que existam em The Playroom VR?

1.) The Playroom VR foi criado no Japan Studio pela mesma equipe que trouxe The Playroom para o PS4. A equipe é constituída, na maioria, por membros que trabalharam em jogos como EyeToy, Ape Escape, EyePet, Gravity Rush, The Last Guardian e WipEout. Mas, para os demais membros da equipe, The Playroom foi o seu primeiro título!

2.) o nome da equipe que desenvolveu o The Playroom é Asobi! Team. “Asobi” em japonês significa “jogo”. A equipe escolheu esse nome para que eles sempre se lembrem de manter esse aspecto da diversão de “jogar” em seus games.

3.) O icônico robô flutuante na The Playroom VR tem um número de série impresso: A5081 que também pode ser lido como “Asobi”!

4.) Tudo que você precisa para começar com o modo multiplayer em The Playroom VR: um headset PS VR e um DualShock 4 (e um amigo, claro).

5.) Tanto o Monster Escape, quanto o Cat & Mouse utilizam o microfone embutido no fone de ouvido para alterar a voz do jogador do VR. E em Mini Bots, você pode soprar no microfone para fazer um pequeno helicóptero verde decolar. Talvez você até ganhe algo caso consiga manter a nave no ar!

6.) A maioria dos jogos no The Playroom VR são criados para o modo multiplayer, mas dois deles também podem ser jogados no modo individual: Robots Rescue and Mini Bots. O último é mais uma experiência do que um jogo, e a introdução perfeita para seus amigos e familiares ao VR.

7.) Um dos troféus no Playroom VR requer que você olhe para um pássaro no céu e espere até que ele faça cocô em você. A vida é dura no VR…

8.) O Mini Bots faz muitas referências à família PlayStation. Aqui você encontrará uma máquina de arcade chamada Bot of War!

9.) The Playroom VR foi o primeiro jogo a mostrar uma demo do PS VR mirando em 120 frames por segundo na GDC 2015 em São Francisco. Isso foi uma grande surpresa para a época!

10.) Atualmente, o melhor resultado da equipe no modo infinito de Wanted! é de 78 mortes. Gento (o designer do jogo) e Nicolas (diretor de criação) tiveram de desenvolver uma técnica de comunicação especial para conseguir essa pontuação!

11.) Antes de focar nos seis jogos finais para o The Playroom VR, a equipe desenvolveu mais de 40 protótipos originais. Eles disseram que têm ideias suficiente para mais de 10 anos!

12.) Tanto o Ghost House quanto Wanted possuem quatro estágios, para que você e seus amigos possam sempre voltar.

13.) No final de cada minijogo, você começa a tirar uma foto de comemoração. Ela será mostrada como um slideshow na tela inicial do minijogo. Diga X!

14.) Os minijogos em The Playroom VR permitem que você ganhe moedas, que podem ser usadas na máquina Mini Bots e para desbloquear até 60 novos brinquedos.

15.) Por mais que seja um game completo, The Playroom VR ocupa um pouco mais de 2GB.

16.) Ao jogar The Playroom VR, o tempo de loading é quase imperceptível. Isso acontece porque a nossa equipe é um tanto impaciente…

17.) Ter um PS VR com uma PlayStation Camera também permite a você jogar totalmente The Playroom (a versão original PS3 AR). Vale o teste!

18.) A equipe que desenvolveu uma versão 8-VS-1 de Cat & Mouse, onde cada um dos quatro DualShock 4 podem ser compartilhados por dois jogadores. Foi muito divertido, mas a equipe ficou sem tempo para incluir na versão final.

19.) Um dos nossos programadores (Kazu) teve um filho durante a produção e acabamos dedicando o jogo para ele.

20.) Os emblemáticos AR Bots de The Playroom VR foram criados porque a equipe queria não apenas um, mas muitos pequenos personagens espalhados pelo chão. Eles escolheram robôs pois essa seria a maneira mais simples de criar um personagem com um bom aspecto (sem pele e olhos para serem animados).

21.) Foram necessárias 18 pessoas e 18 meses no total para criar The Playroom VR.

22.) The Playroom VR é uma colaboração internacional, com membros da equipe vindos do Reino Unido, Alemanha, França, e – claro – Japão!

23.) A equipe do The Playroom VR participa do happy hour do Japan Studio com mais frequência. Em uma certa ocasião, toda a equipa acabou se encontrando em um bar, ao mesmo tempo…

24.) Tanto Nico quanto Takumi do Asobi! Team tiveram seus familiares testando o jogo durante o Sony Family Day, mais de um ano antes do lançamento. Isso é que é privilégio!

25.)O Asobi! Team está sempre aberto para ouvir as ideias e opiniões da comunidade para os seus próximos lançamentos. Caso você tenha dicas ou sugestões e quer compartilhar com a gente, entre em contato!

Por favor, informe a sua data de nascimento.