Gravity Rush 2: Mundos Maiores, Pequenos Detalhes, Missões Paralelas Divertidas

2 0
Gravity Rush 2: Mundos Maiores, Pequenos Detalhes, Missões Paralelas Divertidas

Você consegue sentir essa vibração? É a ansiedade por Gravity Rush 2 no PS4, vindo direto da soberba apresentação do jogo na E3.

“Muitas pessoas estavam me perguntando sobre o trailer depois da Coletiva de Imprensa de PlayStation na E3”, diz o Diretor Criativo Director Keiichiro Toyama. “Então eu me senti um pouco como Kat se sente no jogo — feliz pelas pessoas decidirem me apoiar e à equipe, assim como os personagens no jogo a apoiam!”.

Com Toyama-san alegremente desafiando a gravidade, nós nos juntamos a ele para um papo…

O Amadurecimento de Kat

Enquanto o primeiro Gravity Rush era sobre a descoberta da identidade, os temas que envelopam Kat dessa vez são um pouco diferentes.

“Você vai ver muito mais crescimento pessoal e os resíduos emocionais da jornada dela”, explica Toyama-san. “Nós demos a vocês um gostinho disso no primeiro jogo, mas isso será explorado completamente neste.”

“Gravity Rush 2 é realmente sobre o desenvolvimento e a maturidade — Kat é travessa, mas ela também é uma grande pessoa e nós queríamos nos aprofundar nisso e descobrir quem ela realmente é.”

Um Mundo Novo

Gravity Rush foi um dos primeiros jogos a se destacar no PS Vita, mas a equipe de desenvolvimento realmente queria tirar vantagem do poder aumentado que o PS4 permitia para a sequência. Então uma quantidade surpreendente de detalhes foi colocada nesse novo ambiente para Kat explorar. “Nós queríamos fazer tudo maior e melhor — mais volume e espaço”, explica Toyama-san.

Gravity Rush 2, PS4Gravity Rush 2, PS4

“Nós fizemos muitas pesquisas sobre locais em lugares como o México e por toda a Ásia, então há muita inspiração do mundo real no visual da cidade. O mapa é de duas vezes e meia a três vezes maior que no primeiro jogo, então aumentar a escala em todos os aspectos é algo pelo qual nós lutamos — junto com mais opções de combate com os estilos Lunar e Jupiter de gravidade dela, enquanto ainda mantínhamos aquela acessibilidade que faz de Gravity Rush tão fácil de começar a jogar.”

São as Pequenas Coisas…

O foco não estava apenas nos elementos maiores do jogo, no entanto. Tomaya-san e sua equipe tinham o objetivo de garantir que haveria muitos detalhes para você perceber, também.

“Fazer com que o mundo parecesse extremamente vivo era muito importante para nós, especialmente já que a série estava chegando ao PS4. Nós queríamso cidades e ambientes densos, com uma atmosfera vibrante.”

“Cada local que você visita no jogo é uma ilha flutuante independente, então nós queríamos garantir que elas todas estivessem flutuando corretamente e se movendo de forma independente — isso foi difícil, mas nós realmente nos focamos em acertar.”

Gravity Rush 2, PS4

A grande variedade de passantes na aventura de Kat não está largada, também.

“Há várias interações diferentes que você pode ter — você pode andar perto deles e eles vão reagir a isso de diferentes maneiras. Eles podem ficar presos no seu campo de gravidade e ficar surpresos ou chocados”, diz Toyama-san. “Há muitos animais para ver também”.

Sentindo-se Super

Mantendo influências de contos clássicos dos quadrinhos como The Incal, de Mœbius e Alejandro Jodorowsky, Gravity Rush 2 também traz alguns dos animes e mangás favoritos de Toyama-san.

“Eu realmente gosto de Kamen Rider”, ri Toyama-san, referindo-se ao brilhante super-herói japonês de aparência esquisita. “Então você irá ver ainda mais elementos disso no jogo. Você também pode ver as influências de Sailor Moon, especialmente quando os personagens do jogo estão fazendo seus movimentos de finalização e poses dinâmicas”.

“Eu realmente recomendo fazer a Kat posar com outras pessoas e adereços no novo modo câmera do jogo. Há muitas possibilidades engraçadas!”.

Gravity Rush 2, PS4

Mantendo as Coisas Leves

Falando de coisas engraçadas — embora Kat possa se encontrar em perigo e as situações possam ficar sérias de vez em quando, Toyama-san quer manter as coisas divertidas.

“Nós queríamos fazer um jogo positivo e para cima, mas isso naturalmente se manifestou no conceito de controlar a gravidade”, explica Toyama-san. “Seria estranho fazer uma história muito sombria a partir dessa ideia, então criar algo vibrante era natural”.

“Há mais de 50 histórias paralelas que tem belos momentos cômicos que dão personalidade a Gravity Rush 2. Por exemplo, uma missão mostra Kat se tornando uma estrela de ação para um filme que é filmado dentro do jogo. É tudo muito leve, como você poderia esperar”.

Os comentários estão fechados.

2 Comentários

Por favor, informe a sua data de nascimento.