O crescente futuro de The Last of Us

18 0
O crescente futuro de The Last of Us

Não importa se você está acompanhando os nossos anúncios do Summer Game Fest ou apenas lendo as notícias mais recentes do estúdio, estamos animados em compartilhar o que o futuro reserva para o The Last of Us. Muitos de vocês expressaram o quanto gostaram da série The Last of Us e estamos lisonjeados pela efusão de paixão e entusiasmo da comunidade em relação ao desenvolvimento do mundo e das personagens da série.

Temos o prazer de compartilhar que, até março, The Last of Us Part II vendeu mais de 10 milhões de cópias em todo o mundo. Conhecendo o suporte que temos, nosso estúdio continua a ver novas e empolgantes oportunidades para apresentar públicos curiosos e animar os fãs. Com essa oportunidade em mente, vamos falar sobre o imenso futuro de The Last of Us.

Multiplayer independente

Não é segredo que muitos de vocês não são atraídos apenas pelas histórias de The Last of Us, mas também pelo original modo multiplayer Factions, lançado há quase uma década, e que se manifestaram sobre uma expansão.

No entanto, podemos finalmente anunciar que estamos criando algo que vai muito além de um modo do jogo e estamos animados em compartilhar uma mostra da arte conceitual da nossa próxima experiência para vários jogadores, que é um empreendimento extremamente ambicioso. Estamos aumentando nosso estúdio significativamente para garantir a criação deste grande jogo independente, com sua vasta extensão e mundo imenso, da maneira esperada pelos fãs de The Last of Us e da Naughty Dog.

Pretendemos tornar a nossa mais recente entrada no mercado de jogos para vários jogadores convidativa para novos jogadores, sem deixar de ser um desafio emocionante para nossos fãs mais experientes. Haverá mais notícias no próximo ano e mal podemos esperar para apresentá-lo à equipe por trás desta nova experiência!

The Last of Us na HBO

Desde o início, a nossa visão original para a história de The Last of Us foi cinematográfica e orientada para as personagens, e a HBO deu vida a essa visão com entusiasmo para trazer esta história para as telas de televisão do mundo todo. Com o Craig Mazin, criador e o escritor de Chernobyl no comando e, em conjunto com os produtores executivos Carolyn Strauss e Neil Druckmann, o incrível elenco e a equipe se esforçaram para garantir uma autêntica releitura da história e do seu mundo primorosamente detalhado.

No espírito de colaboração e autenticidade, Neil não foi apenas produtor executivo e escritor do show, mas também diretor de um episódio completo. Trazer The Last of Us à vida tem sido uma colaboração profundamente criativa entre nosso estúdio e a HBO.

Os mundos dos jogos de vídeo e da televisão continuam a se encontrar à medida que Ashley Johnson e Troy Baker, os atores de Ellie e Joel na franquia de jogos, juntam-se ao elenco em papéis importantes. Mal podemos esperar para vê-los na tela, juntamente com fãs novos e antigos de The Last of Us.

The Last of Us Part I

The Last of Us foi lançado há quase uma década no console PlayStation 3 e foi um marco inesquecível para nosso estúdio.  A história de Joel e Ellie continua a ser poderosamente evocativa para jogadores de todo o mundo e estamos lisonjeados com o fato de que estas personagens continuem a deixar uma impressão. 

Graças aos avanços em tecnologia e hardware que nos permitem ultrapassar os limites da fidelidade visual e da interatividade, temos o prazer de anunciar este remake completo de The Last of Us, que será lançado no dia 2 de setembro de 2022 para o console PlayStation 5 e está em fase de desenvolvimento para a versão para PC.

O crescente futuro de The Last of Us

Implementamos jogabilidade modernizada, controles melhorados e opções de acessibilidade expandidas nesta experiência para jogador único, de modo a permitir que mais pessoas desfrutem do jogo. Efeitos, exploração e combate: tudo foi aprimorado. Ao aproveitar o poderoso hardware do PS5, também implementamos áudio 3D*, resposta tátil e gatilhos adaptáveis. Os fãs antigos e novos jogadores terão a oportunidade de experimentar tanto The Last of Us Part I como Left Behind, sua história prequela, de uma forma totalmente nova.

Para esta reconstrução, Neil está passando o bastão para o diretor de jogos Matthew Gallant e o diretor criativo Shaun Escayg, que deram vida a este projeto. Matthew juntou-se ao nosso estúdio há uma década para trabalhar em The Last of Us e UNCHARTED 4: A Thief’s End. Ele atuou como projetista de sistema líder em The Last of Us Part II e co-liderou a elaboração de mais de 60 recursos de acessibilidade. Shaun começou como um animador cinematográfico líder em The Last of Us e UNCHARTED 4: A Thief’s End. Posteriormente, Shaun viria a se tornar o diretor criativo de UNCHARTED: The Lost Legacy. Com a suas vastas experiências criativas e técnicas com a série, eles são a escolha perfeita para liderar este projeto, e vai ouvir ainda mais sobre eles em breve em The Last of Us Part I.

Além do trailer, também temos o prazer de anunciar que a pré-venda digital de The Last of Us Part I para PS5 começa hoje, às 20h BRT**. Fizemos uma parceria com a PlayStation para desenvolver duas edições do jogo: The Last of Us Part I Edição Standard (R$ 349,90) e Edição Deluxe Digital.

A edição Deluxe Digital (R$ 399,90) inclui um desbloqueio antecipado dos seguintes itens no jogo:

  • Habilidade de Velocidade de fabricação aumentada
  • Habilidade de Velocidade de recuperação aumentada
  • Melhoria de Aumento de velocidade de recarga de 9 mm
  • Melhoria de Aumento de capacidade de carregador de rifle
  • Modificador de Jogabilidade de flechas explosivas
  • Filtro Pontilhado Punk
  • Modo de Speedrun
  • Seis skins de arma: Skin de pistola 9 mm Ouro Negro, Skin de pistola 9 mm Filigrana Prata, Skin de escopeta Tática Borracha, Skin de escopeta Carvalho Esculpido, Skin de arco Branco Ártico, Skin de arco Preto Carbono

Caso compre qualquer uma das edições de The Last of Us Part I para PS5 na pré-venda, você receberá os seguintes itens no jogo***:

  • Suplementos extras para melhorar suas habilidades
  • Peças de armas adicionais para melhorar seu arsenal

Informações sobre a pré-venda da mídia física serão compartilhadas em breve. 

Estamos ansiosos para compartilhar ainda mais nos próximos meses até ao lançamento do Last of Us Part I. Seu amor e paixão pelos nossos jogos são realmente inspiradores e temos muito orgulho em compartilhar esta experiência com você.

Persevere e sobreviva!

*Áudio em 3D por meio de alto-falantes de TV integrados ou fones de ouvido estéreo analógicos/USB. Configuração necessária.

**Pode levar algum tempo para que as edições físicas apareçam, dependendo da sua região. Verifique com o revendedor local de sua escolha se existem anúncios e disponibilidade.

***Os bônus de pré-venda não estão disponíveis em algumas regiões. Consulte o varejista local de sua escolha para saber a disponibilidade.

Participe da Conversa

Adicionar Comentário

Mas não seja mala!

Please be kind, considerate, and constructive.

18 Comentários

  • black_war337

    400 reais tá caríssimo na minha opinião

    • E tá, mas essa é a edição delux. A padrão ta R$ 350,00, o que ainda é caro, mas 50 reais a menos é muita coisa por aqui, então…

  • Brasil não vai receber a Firefly Edition?

    • Eu vim na esperança de ver essa edição aqui na ps blog Brasil, mas pelo jeito não vai vim, e talvez nem uma edição especial como de costume (TLOU2, Horizon Forbidden, Death Stranding, etc.)

    • chris_play_on

      A história em sí é rica , com vários personagens marcantes , com milhares de oportunidades imagináveis de histórias e game play. Agora Remake de Ramake , é incompetência ou falta de criatividade do Studio. Mas fazer oq né , é mais fácil vender oq já tem do que criar um novo conteúdo . O público está pagando por isso , e de uma forma bem cara , apenas para ter gráficos melhores !

  • Temos que pagar R$ 349 para jogar um Remaster pra PS5 da versao Remasterizada do PS4. Cara, surreal isso.

    • Pior é que vai vender muito, isso aí pra novos usuários vai bem,mas pra que já jogou no PS3,PS4, agora PS5 ? da não, dinheiro não dá em árvore…Sony está esquecendo dos usuários antigos,da mais não

  • tupac-rep-1981

    Desculpa mais vou ter fala sou muito fan tenho os dois eu salvei primeiro no PS3 li todo conteúdo até final vi vídeo e tudo mais quando veio valor é uma pena eu mesmo não tenho coragem de compra não muito dinheiro é mesma história prefiro compra novo mw2

  • Demon Souls e Agora dê leste… começou a geração como? Farm de dinheiro nos Remakes . $ $ $ $

  • MA-06_Quadra

    vocês podiam ter tirado o Joel da Capa de uma vez ,e deixado só a Ellie 🤣

  • caps_lock-88

    Estamos vivendo a época burra dos games … é remake atrás de remake, remaster atrás de remaster … pra que ??? Seria preguiça de criar coisas novas ? … Medo, talvez !? A criatividade e os gênios faleceram para esse mundo !!! Ainda teremos o remake do remake, anotem isso !!!

  • Prefiro rejogar o original remasterizado p PS4.

  • Makeda_Dyssaba

    Vocês estão de brinks, né?
    Cêloco, estava com um desejo enorme de comprar um PS5, botei no coração e bolso que é muito melhor investir em um PC Gamer só pelo fato dos jogos serem em conta e assim continuar com o meu lazer, é muita avacalhação ser gamer no Brasil vocês tiram a gente de otários com este preço absurdo, nem todos os gamers têm bala na agulha para tantos gastos, todo mês é um dilema aqui em casa: pagar a energia ou tentar comprar um jogo? E olhaaaa que sou do PS4 e ando reclamando faz tempo dos valores dos jogos, sem contar a Plus que assino anualmente e vocês só enviam jogo lixo pelo absurdo que é cobrado.

  • III_TORMENTO_III

    Remeke desnecessário minha opinião! é pedir muito pelo Remeke de Bloodborne ?

  • Melhor jogo que já joguei…ótimo pra quem está chegando ao Playstation, pagar 350 reais em um remake(remaster) ou sei lá…Sony mais preocupada com os novos assinantes e esquecendo dos antigos… realmente PS ficou só para os “exclusivos” jogar os third-party no Pc mesmo.

  • Chabinelson

    Esse jogo utiliza a engine do The Last of Us Part 2 que foi lançado no Playstation 4… não faz sentido esse remake ser exclusivo de nova geração.

  • Chabinelson

    Poderia focar em remake de outros jogos como a trilogia Jak and Dexter e o de corrida.

    Fazer nos mesmos moldes que a Activision fez com Crash e Spyro.

    Com certeza seria muito mais bem vindo que este remake de um jogo que envelheceu bem.

    Mas é nítido que este remake foi feito para vender no PC e assim posteriormente vender a part 2 e o multiplayer standalone.

Deixe uma resposta

Por favor, informe a sua data de nascimento.