A revelação de Savathûn – plantando as sementes das mentiras da Bruxa-Rainha

1 0
A revelação de Savathûn – plantando as sementes das mentiras da Bruxa-Rainha

A equipe da narrativa de Destiny explora a fundo o enredo mais ambicioso que o jogo já teve até agora.

A trama narrativa de Destiny é complexa e toca em praticamente todos os aspectos do jogo. Ao longo do ano passado, os jogadores de Destiny viram o desenrolar de uma narrativa que girou em torno de um dos personagens mais queridos do jogo: Osíris. Desde a morte de Sagira, a amada Fantasma do Arcano, até o seu comportamento cada vez mais estranho, o famoso ex-comandante da Vanguarda levantou suspeitas por vários meses.  

No início da Temporada dos Perdidos, a verdade foi revelada. Caso ainda não saiba, ALERTA DE SPOILER: Osíris não era Osíris. Aliás, Osíris não era ele mesmo há um bom tempo. Savathûn, a Irmã das Formas, a própria Bruxa-Rainha, revelou aos Guardiões que tinha trocado de lugar com Osíris há alguns meses e que estivera semeando a discórdia na Vanguarda desde então, criando especulações descontroladas e fazendo surgir teorias malucas nas mentes dos amantes da história de Destiny da comunidade. 

E era exatamente esse o plano da equipe de narrativa da Bungie.  

Neste último ano, a equipe de narrativa foi a fundo para plantar as sementes das mentiras de Savathûn por todo o jogo de formas inesperadas. Hoje vamos dar uma olhada nesses momentos cruciais e conversar com a equipe sobre o processo de dar vida a essa história. 

O primeiro vislumbre 

O enredo de Savathûn/Osíris foi o resultado de inúmeras discussões dentro da equipe de narrativa de Destiny, e já estava planejado muito antes de acontecer no jogo. A equipe tinha o objetivo geral de deixar o clima mais intenso sem recorrer à morte de personagens. Eles também sabiam que queriam colocar Savathûn dentro da Última Cidade. Como ela é uma personagem inerentemente ardilosa, fazê-la tomar o lugar de alguém e viver entre as pessoas pareceu se encaixar bem na personalidade dela. Além disso, a Última Cidade foi escolhida porque Savathûn sabia que era o último lugar onde sua irmã e rival Xivu Arath iria procurá-la.  

“Daí em diante, o processo virou uma discussão na sala dos redatores sobre quem seria o melhor candidato para ter a identidade tomada”, disse a chefe de narrativa sênior da Bungie, Julia Nardin. “Escolhemos Osíris devido à relação dele com Ikora, sua antiga aprendiz, que permitia que Savathûn tivesse o acesso mais direto à Vanguarda.” 

O primeiro momento em que a Bruxa-Rainha apareceu no lugar de Osíris foi durante a Temporada da Caça. No início, os jogadores encontraram uma série de mensagens de áudio de Mara Sov e Osíris na sala de Zavala. A fala em que Osíris declara que sua Fantasma, Sagira, havia morrido em um ataque não foi de fato dita por Osíris, e sim por Savathûn, que assumia o lugar do Arcano pela primeira vez e chamava os jogadores para irem até a Lua. Além disso, Savathûn planejou o primeiro encontro entre o jogador e o Corvo, criando uma situação na qual os Guardiões o viram “resgatando” Osíris de um dos vassalos de Xivu Arath.  

O que veio em seguida foi uma campanha minuciosamente calculada de Savathûn manipulando as pessoas e espalhando desconfiança e dúvida entre os membros da Vanguarda. Nardin disse que um de seus momentos favoritos desse aspecto foi quando Savathûn disfarçada de Osíris não perdeu tempo em arruinar a reunião entre Caiatl e Zavala no início da Temporada dos Seletos. Assim que Caiatl propôs a aliança entre os Cabais e a Vanguarda, Savathûn começou a questionar se Caiatl era confiável. 

Como explicado por Nardin: “Savathûn não podia arriscar uma aliança oficial entre a humanidade e os Cabais de Caiatl, então ela os sabotou. No entanto, ela fez isso de uma maneira que impediu que Caiatl iniciasse um ataque em massa ao esconderijo dela, e quando chegou a hora de apaziguar o conflito que ela havia ajudado a criar, Savathûn garantiu que sua solução manteria todas as peças no seu tabuleiro.” 

Laços de família 

Após assumir a identidade de Osíris e causar desconfiança por todos os lados, era inevitável que Savathûn cedesse ao seu ego e cometesse deslizes sutis com seu disfarce. Um bom exemplo disso ficou evidente no confronto com o Grão-Celebrante na Temporada da Caça, no qual Savathûn disfarçada de Osíris teve um acesso de orgulho e deixou escapar sua verdadeira relação com a sua irmã, Xivu Arath, alegando que ela “não tem ambição”.  

“Essa fala veio de uma discussão na Sala de Redação da Narrativa, quando alguém sugeriu: ‘E se Savathûn estivesse muito incomodada com a falta de imaginação de Xivu Arath e com o fato de que a irmã está basicamente copiando o que ela faz?'”, disse a designer de narrativa sênior da Bungie, Nikko Stevens. “Isso mostrou um pequeno vislumbre do que estava por trás da máscara de Osíris, e foi mais uma pista de que havia mais coisas acontecendo por baixo dos panos.” 

Isso mostra que mesmo quando o controle do universo está em jogo, ainda há espaço para rixas entre irmãos. 

Um Pouco Longe Demais 

Na Temporada do Simbionte, os planos de Savathûn ficaram ainda mais perigosos e divisores. Na pele de Osíris, Savathûn se valeu dos medos e da desconfiança das pessoas em relação aos refugiados Eliksni que estavam vivendo entre eles, e usou isso como arma contra a Vanguarda por meio de Lakshmi. Quando o Senhor Saladino chegou para consertar as coisas e ajudar com as estratégias, Savathûn insinuou que as pessoas acreditavam que ele estava por trás da tentativa de assassinato a Zavala e recusou sua ajuda. Cada jogada feita por ela continuou distanciando Zavala e Ikora dos seus aliados. O pior de tudo talvez tenha sido a forma como ela usou o relacionamento de Osíris com São-14 para tentar fazê-lo destruir a Vanguarda.   

No entanto, todo esse subterfúgio estava começando a afetar a Bruxa-Rainha. “Embora todas essas mentiras alimentassem o verme dela — o parasita que lhe dá poder —, ainda não era o bastante”, comentou Nardin. “Savathûn cometeu todos aqueles erros durante a Temporada do Simbionte porque estava sofrendo muito. Ela estava desesperada, e quando Savathûn se desespera, ela se descuida.”  

Um exemplo disso é que em dado momento, enquanto estava desorientada e cansada após meses de metamorfose, Savathûn deixa escapar uma contradição durante uma conversa com Mithrax, alegando que o Arsenal Negro está com tudo sob controle. O diálogo incisivo realçado pela incrível atuação do dublador de Osíris, Oded Fehr, realmente deu vida às dificuldades pelas quais Savathûn passava naquele momento.  

“Trabalhamos de perto com Oded nessa reviravolta na história de Savathûn e Osíris”, indicou Stevens. “Aliás, quando contamos a ele sobre a troca, ele ficou maravilhado e imediatamente adequou sua atuação na Temporada dos Perdidos para deixá-la mais próxima de Savathûn fingindo ser Osíris.” 

A Revelação de Savathûn 

Ao longo de várias temporadas, a equipe se empenhou para dar vida de várias maneiras ao enredo de Savathûn na pele de Osíris. Ainda assim, a equipe sabia que “a grande revelação” teria que ser impactante. Também sabiam que muitos jogadores já tinham visto informações sobre A Bruxa-Rainha na apresentação de Destiny em agosto, então tomaram a decisão de colocar a confissão de Savathûn no centro da história da Temporada dos Perdidos.  

“Quando estávamos trabalhando na Temporada dos Perdidos, ainda não tínhamos um modelo de personagem para Savathûn, então tivemos que ser criativos com a transformação dela no jogo e em como ela manteria uma presença física no mundo até o lançamento de A Bruxa-Rainha”, comentou Nardin. “Boa parte do desenvolvimento do jogo é encontrar soluções para esses tipos de desafio, principalmente quando lidamos com várias vertentes criativas ao mesmo tempo.” 

A revelação de Savathûn foi o ponto culminante de todas as migalhas e pistas sutis deixadas ao longo das últimas três temporadas, bem como a preparação para a ação que ainda está por vir. Agora os Guardiões sabem a verdade, e embora as mentiras de Savathûn tenham sido reveladas, eles ainda terão que enfrentar as consequências disso na expansão A Bruxa-Rainha, na Temporada [EDITADO] e além. 

Quer saber mais sobre o que vai acontecer? Não perca o lançamento de A Bruxa-Rainha em 22 de fevereiro de 2022! 

Participe da Conversa

Adicionar Comentário

Mas não seja mala!

Please be kind, considerate, and constructive.

1 Comentário

Deixe uma resposta

Por favor, informe a sua data de nascimento.