PlayStation.Blog BR

Resolvendo o quebra-cabeça do ciclo letal de Deathloop

0 0
Resolvendo o quebra-cabeça do ciclo letal de Deathloop

Como você pode eliminar oito alvos em um só dia? O mais recente trailer de Deathloop mostrará para você.

Em Deathloop, a ilha de Blackreef é um mistério amarrado em um enigma e embrulhado com intenções homicidas. O ciclo temporal que mantém a ilha presa na mesma repetição de um dia pode ser incrível para os habitantes de Blackreef, que querem continuar jovens e festejando eternamente, mas para um homem é a causa de um constante problema. Colt é a única pessoa em Blackreef que não está se divertindo e talvez seja porque ele é o único tentando destruir o ciclo temporal e acabar com a festa sem fim. Caçado pelos moradores locais, Colt pode estar sozinho em sua missão de quebrar o ciclo, mas não está em desvantagem. Ele possui um arsenal devastador de armas e habilidades sobrenaturais para usar e, mais importante ainda, possui um plano.

Existem oito Visionários responsáveis por manter o ciclo funcionando. Oito pessoas devem morrer para consertar as coisas e, graças ao ciclo temporal, você tem somente um dia para eliminá-los antes que ele reinicie. O problema é que esses alvos estão espalhados por toda a ilha e só são acessíveis em certos horários do dia. Então como você poderá eliminá-los a tempo? A solução não será fácil, mas com um pouco de prática (e alguns recomeços) você conseguirá desvendar o quebra-cabeça de Blackreef e quebrar o ciclo. Dê uma olhada no mais recente trailer de Deathloop e veja como Colt resolve o problema de juntar dois Visionários, Aleksis e Egor, no mesmo local e na mesma hora.

Boas-vindos à Blackreef

Somente saber onde ou quando seu alvo estará vulnerável não é o bastante. Primeiro você precisa conhecer a ilha. A história de Blackreef está estampada por todos os lugares. De uma vila remota de pescadores a um centro de pesquisa militar, e agora um lar para seus atuais e excêntricos moradores obcecados pela arte pop dos anos 1960, a arquitetura da ilha conta uma história. E você deve prestar atenção nela, pois descobrir os segredos da ilha deixará você mais perto de quebrar o ciclo.

A ilha em si é dividida em quatro distritos abertos, similar ao que você deve lembrar de Dishonored, mas aqui eles não estão ligados à níveis. Você pode explorar cada um deles na ordem que quiser para resolver o quebra-cabeça. O horário terá papel fundamental na aparência e estrutura dos diferentes distritos. Enquanto que pelas manhãs você verá as ruas repletas de pessoas planejando grandes festas, durante as noites essas mesmas ruas estarão cobertas de neve e dos restos das espetaculares celebrações. Montes de gelo podem ter coberto caminhos que você poderia ter usado mais cedo, mas também permitirão que alcance locais inacessíveis anteriormente. Eventos que aconteceram pela manhã (quer você os tenha visto ou não) também terão seus próprios efeitos nos distritos, e as decisões que você toma em uma área da ilha podem afetar as demais. Tudo isso deve ser levado em consideração ao caçar seus alvos.

E lembre-se sempre que você não está preso a somente um tipo de estratégia enquanto explora e reúne informações. Como o Designer de Campanha, Daniel Todd, nos disse, o ciclo está aí para ser aproveitado. “O ciclo mostrará com clareza as consequências das suas ações. Você não precisa se perguntar o que teria acontecido se tivesse escolhido outro caminho, pois pode testá-lo depois e comparar os resultados. Uma das possibilidades pode ser uma vantagem para o objetivo atual, mas se você voltar ao mesmo local com outro objetivo, o desfecho alternativo pode dar uma vantagem mais à frente.”

Juntando as peças do quebra-cabeça

Após entender a estrutura da ilha e como os eventos e os horários afetam os diferentes distritos, você poderá começar a estudar seus alvos. É necessário inteligência para eliminar todos os Visionários. Escolha um alvo. Observe-o. Escute-o. Intercepte suas comunicações. Siga as pistas e você terá tudo o que precisa.

Cada Visionário tem sua própria base nos distritos, como por exemplo a mansão de Aleksis ou o laboratório de Egor, e cada um deles terá uma representação visual de cada personalidade, adicionando uma pitada de sabor e estilo ao mundo do jogo. Pode haver várias bases em um mesmo distrito, mas um dos alvos talvez só esteja acessível durante uma parte do dia e outros devem ser forçados a saírem de seus esconderijos. Cada um dos Visionários tem sua própria vida e rotina, mas elas podem ser manipuladas.

“O quebra-cabeça de eliminações foi o coração do conceito de Deathloop,” disse Todd. “Os Visionários de Blackreef estão presos a um padrão, ciclo após ciclo, que nunca falha. Um jogador que avança sem pensar pode cair facilmente em uma armadilha, repetindo as mesmas ações em todos os ciclos. A chave para quebrar o ciclo é quebrar os padrões. O jogador deve tentar coisas novas, seguir pistas, fazer descobertas e ganhar conhecimento. Com esse conhecimento, você poderá quebrar os padrões nos quais os Visionários estão e, fazendo isso nos locais certos, quebrar o ciclo.”

Observe Egor no trailer. Ele está mais do que feliz em ficar em casa durante a festa de Aleksis e trabalhar em suas descobertas, mas com uma pequena sabotagem, ele não terá nada melhor para fazer do que beber e afogar as mágoas. O jogador pode perceber isso somente observando e ouvindo para, no final, ligar os pontos.

“Nós trabalhamos para que a ação seja guiada pelas próprias vontades e objetivos do jogador”, explicou Todd. “Blackreef está repleta de desafios e segredos para serem descobertos, e entre eles estão todas as pistas que devem ser seguidas para resolver o quebra-cabeça de eliminações. Nos esforçamos para que as conexões entre as pistas sejam coerentes e que guiem o jogador, ao invés do jogo apontar direções automaticamente após todas as pistas serem encontradas.”

E ainda tem… Ela

Julianna Blake. Parte dos Visionários e a provação mais desafiadora que você enfrentará. Diferente dos outros Visionários, você não terá problemas em encontrá-la, pois ela sempre estará observando você. Julianna não tem escrúpulos em mostrar que está na sua cola e a voz dela perseguirá você pelas ruas, túneis e telhados de Blackreef durante sua missão.

Mesmo que os outros Visionários sejam extraordinários e difíceis de eliminar, Juliana não é somente parte deles. Ela também é um personagem jogável, o que significa que outro jogador poderá invadir sua campanha para semear a destruição e adicionar uma camada de imprevisibilidade às ações dela. (Essa é uma funcionalidade opcional e pode ser desativada.)
Então, enquanto estiver caçando pistas pela ilha, fique sempre de olho, pois a Julianna pode estar caçando você.

Deathloop será lançado exclusivamente para o Playstation 5 no 2º trimestre de 2021 e rodará na incrível resolução 4K/60 FPS em seu lançamento.

Participe da Conversa

Adicionar Comentário

Mas não seja mala!

Por favor, seja gentil, atencioso e construtivo. Para outros tópicos, dirija-se aos nossos Fóruns.

Deixe uma resposta

Por favor, informe a sua data de nascimento.