PlayStation.Blog BR

Crystar: Entrevista Pré-Lançamento com o Produtor e Diretor Fuyuki Hayashi

0 0
Crystar: Entrevista Pré-Lançamento com o Produtor e Diretor Fuyuki Hayashi

Entrevista exclusiva detalha o sistema único de lágrimas de Crystar.

Durante a GDC 2019, o RPG de ação Crystar foi anunciado com a frase, “Pois Quando Choro, Me Torno Forte.” Mas como pode chorar torná-lo mais forte? O Produtor e Diretor de Crystar, Fuyuki Hayashi, explica como isso é possível no jogo. Crystar será lançado no dia 27 de agosto de 2019.

Mimi Saito: Crystar começa com a protagonista Rei matando a própria irmãzinha, Mirai. Pode nos dizer um pouco mais sobre a história e quem ajuda Rei em sua jornada para salvar a irmã?

Fuyuki Hayashi: Este título se passa no mundo do além chamado de Purgatory. Rei, que matou a irmã, parte em busca de revivê-la, assinando um contrato com os gêmeos demônios conhecidos como Mephis e Pheles, se tornando uma Executor. Como uma Executor, Rei deve viajar pelo Purgatory e lutar contra as almas dos mortos chamados de Revenants, e encontrar a alma da irmã.

Durante sua jornada, Rei é acompanhada por outros personagens com seus próprios objetivos: Kokoro, um Executor sênior que jurou vingança contra um certo Revenant; Sen, uma garota com um forte senso de justiça, que perdeu a mãe em um acidente trágico; e Nanana, uma misteriosa Revenant que gosta muito de Rei.

Crystar pode ser meio dark com seus temas de lágrimas e garotas sofrendo tragédias lutando no mundo dos mortos, mas há bastante diálogo divertido, como Rei sendo questionada por sua dieta que consiste apenas de batatas, e as garotas aproveitando a amizade uma da outra.

MS: Quem mais você encontra no Purgatory além dos amigos de Rei?

FH: Revenants, que são basicamente espíritos malignos, aparecem como o inimigo principal do jogo. Um deles é Anamnesis, responsável por arrastar Rei e Mirai para o Purgatory. Ela também é contra quem Kokoro busca vingança. Anamnesis está morta e colhe as almas de outros para se reviver. Ela cruza o caminho de Rei várias vezes durante a história.

Também há Mephis e Pheles, os Demon Twins que servem de guia para Rei e os outros Executors. São tipo gerentes do Purgatory e formam contratos com Executors para se livrarem de almas irregulares.

Também é possível visitar o quarto de Rei no mundo dos vivos para ver sua samoyed, Thelema. Recomendo que todos brinquem com ela para conseguir algum apoio emocional.

MS: Todos aqui da Spike Chunsoft, Inc. somos grandes fãs de Thelema! Interagir com ela é um momento tão bom no jogo. Pode falar mais sobre o tema de Crystar e como ele entra nas mecânicas do jogo? Como chorar ajuda Rei em sua missão?

FH: Há duas maneiras em que os personagens choram e se tornam mais fortes em Crystar.

Primeiro, as garotas podem chorar no Purgatory e conjurar um companheiro sobrenatural chamado de Guardian. Há uma barra chamada Tear Gauge que pode ser enchida lutando ou segurando o botão de chorar. O Guardian vem quando a Tear Gauge está cheia, dando acesso à ataque combo e um golpe especial para eliminar oponentes.

A segunda maneira é chorar no mundo dos vivos. Os inimigos conhecidos como Revenants que aparecem no jogo já foram humanos uma vez. Seus gritos de morte, chamados Torments, aparecem na tela como texto quando são derrotados. Rei pode purificar esses Torments chorando em seu quarto, convertendo-os em armas e armaduras que podem ser usadas no mundo espiritual do Purgatory. Esta mecânica representa o processo de alcançar crescimento emocional e mental ao se vencer o luto e a dor com lágrimas.

MS: Há quantas opções de customização?

HF: Há quatro personagens, que você pode trocar livremente no grupo, após se juntarem à você. Cada um é um arquétipo entre um generalista, um especialista em corpo-a-corpo, um em combos e um em combate à distância, para os jogadores poderem escolher o estilo que preferem.

Também é possível encontrar equipamento com lugar para encantamentos como resistência a efeitos. Encontrar equipamento que você pode encantar e obter efeitos especiais para eles pode ser outros aspecto que os amantes de itens por aí vão curtir.

Além disso, há roupas que você pode destravar com DLC, ou simplesmente progredindo na história, e que podem mudar a aparência dos personagens.

MS: Qual foi o aspecto mais difícil de desenvolver Crystar?

FH: As lágrimas são o tema principal do jogo, e há muitas cenas onde os personagens estão chorando. Tivemos dificuldades durante o desenvolvimento para criar um sistema que implementasse as lágrimas e criar um cenário sério e uma história que levasse as garotas à chorarem.

MS: Por último, alguma dica para prestarmos atenção enquanto jogamos?

FH: Colocamos muita paixão e pensamento na história e nos personagens, e implementamos mecânicas que envolvem lágrimas e um sistema de batalha de ação para os jogadores simpatizarem mais com tudo.

Ficaria muito feliz se os jogadores terminarem tudo sem ver spoilers e aproveitarem até o fim.

E não se esqueça de mostrar muito carinho para Thelema a samoyed!

Por favor, informe a sua data de nascimento.