Final Fantasy XIV: Stormblood é um Novo Início

0 0
Final Fantasy XIV: Stormblood é um Novo Início

Enquanto nossos heróis viajam para terras distantes, Naoki Yoshida e sua equipe revitalizam o extenso MMO para antigos e novos jogadores.

A trama de Final Fantasy XIV: Stormblood leva nossos heróis às terras longínquas de Ala Mhigo, oprimida e ocupada pelo Império de Garlean por 20 anos. Entramos para a Resistência em seus esforços de libertação, mas nem todas as pessoas de Ala Migho concordam. A geração mais antiga anseia por seus dias de liberdade. A nova geração cresceu sob o domínio de Garlean e não conhece uma alternativa. Há uma disparidade entre os velhos e novos que afeta sua experiência mútua.

A mesma disparidade existe entre jogadores veteranos de Final Fantasy XIV e os novatos. E esse é um obstáculo que o produtor e diretor Naoki Yoshida planeja derrubar.

Final Fantasy XIV: Naoki Yoshida

Sim, Final Fantasy XIV: Stormblood é a segunda expansão de grande porte para Final Fantasy XIV: A Realm Reborn. Mas ao contrário da primeira expansão, Heavensward, que arrancou heróis e os levou para fantasia pesada europeia e uma guerra antiga, Stormblood é um novo começo em termo de trama e design. O resultado é um Final Fantasy XIV mais acessível, mais visual — um que almeja aproximar a comunidade, e abraçar novatos que ainda estão para ver o que a franquia tem de melhor para oferecer.

Sejamos realistas: nem todo mundo interessado em Final Fantasy XIV tem centenas de horas para gastar jogando pela absurda quantidade de conteúdo de A Realm Reborn e Heavensward. É por isso que uma novos itens Tales of Adventure existem. Esses itens opcionais podem ser comprados para avançar na história, ou aumentar uma única classe para nível 60 (o novo limite é 70). Atualmente, apenas um job pode ser avançado por conta, mas isso ajuda muito na hora de trazer novos heróis para o grupo.

Final Fantasy XIV: Stormblood

Yoshida descreve a lógica por detrás destes itens com uma metáfora. Final Fantasy XIV é uma montanha. Veteranos estiveram lentamente escalando a montanha pelos últimos anos no seu próprio ritmo, parando de vez em quando para desfrutar da paisagem. Eles podem sentir que não foram longe porque avançam só alguns passos de cada vez.

Mas para novos jogadores começando na base da montanha, pode ser assustador ver quão longe todo mundo já foi. Esses itens foram criados para elevar estes jogadores para encontrar os demais — não empurrar eles além dos devotos de longa data e fazê-los chegar ao pico.

Final Fantasy XIV: Stormblood

A segunda mudança fundamental à fórmula é a introdução de Job Gauges. Agora toda classe de batalha tem um medidor único que registra informações importantes com serenidade colorida. Jogadores gastam menos tempo olhando para colunas de ícones pequenos e cronômetros, e mais tempo focados no fluxo da batalha, com informação crítica relacionada aos jobs exibidas através de joias iluminadas, medidores mecanizados e pétalas se desabrochando. A mudança é discreta, mas o resultado é colossal. Parece mais com Final Fantasy e menos com uma planilha (nenhum desrespeito àqueles que se dedicam às planilhas — admiro vocês com carinho).

Final Fantasy XIV: Naoki Yoshida

Yoshida e sua equipe também realizaram grandes avanços em simplificar as habilidades que nossos heróis aprendem com o tempo, fundindo habilidades redundantes, acionando hotbars para atualizar automaticamente dados os requerimentos específicos de ganhar nível, e retrabalhando as habilidades intraclasses de forma compartilhada.

Agora diferentes papéis (como tank, curandeiro e classes de alto dano) compartilham um conjunto de habilidades destraváveis. O jogador não mais precisa jogar múltiplas classes para liberar todo o poder de um único job de sua escolha. Concentre-se em um, e navegue claramente em direção ao endgame.

Esse tipo de refinamento remove um esforço significativo aos usuários de DualShock 4 que já trabalhavam com espaço limitado, e precisavam fazer verdadeiras acrobacias para abrir as hotbars necessárias.

Final Fantasy XIV: Stormblood

Final Fantasy XIV: Stormblood é exatamente o tipo de passo para frente que você quer ver em um MMO de longa data. Ele abraça as qualidade ao mesmo tempo que abandona tradições que não tem mais lugar para o jogador. Com uma nova ameaça Garlean para enfrentar, novas terras inspiradas em arte clássica japonesa e até um sistema completo de natação e mergulho para aprimorar exploração, Stormblood é um novo passo empolgante para Final Fantasy XIV.

Você pode me cobrar quando for lançado em 20 de junho de 2017.

Todo conteúdo demonstrado durante o evento de mídia de Final Fantasy XIV: Stormblood está em desenvolvimento e sujeito a mudança.

Por favor, informe a sua data de nascimento.