Primeiras Impressões: Zombies in Spaceland, o novo Playground de Neon de COD Infinite Warfare

1 0
Primeiras Impressões: Zombies in Spaceland, o novo Playground de Neon de COD Infinite Warfare

A versão de Zombies da Treyarch criou uma base de fãs leais desde a sua chegada em Call of Duty: World At War, em 2008. E é fácil perceber o porquê – a jogabilidade estratégica, táticas ocultas e inúmeros segredos tornam a versão co-op viciante. Essa tem sido uma das minhas versões favoritas há anos.

Mas agora, Infinity Ward vai mudar as coisas, já em Novembro, em Call of Duty: Infinite Warfare, e os resultados deixarão os veteranos do modo Zombies um tanto intrigados.

Chamado de Zombies in Spaceland, esse remix da experiência Zombies nos leva para aquele estereótipo fluorescente dos anos 80 contra hordas de mortos-vivos, recheado de canções pop vintage e muitos segredos escondidos. Justin e eu tivemos a chance de melhorar as coisas em Call of Duty XP – e aqui vai o que notamos ao testar o jogo por duas horas. Tenho a sensação de que estamos apenas começando!

Lembrete: alguns dos detalhes que descrevo abaixo podem mudar, ou ser melhor esclarecidos, quando o jogo for finalizado. O que mostramos aqui foram as nossas observações em uma versão ainda não finalizada do jogo.

  • A estética geral é uma grande, mudança e se distancia do que já conhecemos que já conhecemos das versões Zombie da Treyarch. A paleta de cores me lembrou bastante dos filmes de terror clássicos dos anos 80 como “Creepshow – Arrepio do Medo” e “A Volta dos Mortos Vivos”. Os próprios mortos estão vestidos com trajes brega dos anos 80, de leggings fluorescentes ao melhor estilo bagaceiro punk rock, entre outros. Essa é uma grande mudança de tom, mas muito bem-vinda.
  • Mecanicamente, o jogo é bastante parecido com o modo Zombies de Black Ops 3, com algumas grandes reviravoltas. Notei que o arma inicial parecia ter mais força, e podemos comprar uma variedade maior de armas ainda mais poderosas e muito mais cedo no jogo. O fluxo geral é semelhante, mas a sensação é muito mais a de um arcade. O que é muito legal.
  • Todos os power-ups básicos que você conhece e ama estão de volta, do Nuke e Instakill ao Ammo e muito mais. Zumbis também podem deixar itens individuais, tais como clips de munição, diferentes tipos de granadas, e dinheiro na lata.
  • Na mesma nota, o dinheiro ainda é o rei aqui, mas agora você pode depositar e sacar sua grana em caixas eletrônicos retrô. Um centavo poupado é um centavo ganho, não é mesmo?
  • Zombies in Spaceland também adiciona uma nova moeda, mais rara na forma de bilhetes. Eu usei bilhetes em bilheterias para comprar acessórios poderosos, entre minas à laser, minas criogênicas e muito mais. Essa foi uma adição bem-vinda que ampliou ainda mais o meu arsenal.
  • O meu grupo agrupamento notou um robô chamado de N31L cruzando o ambiente de Spaceland. Após uma tentativa de interação, ele parecia emitir desafios simples, como apenas usar ataques corpo a corpo contra zumbis e em troca de bilhetes. Não entendi muito o contexto disso, mas é um conceito legal eu estou ansioso para aprender mais sobre isso.
  • Muitas vezes, os mortos-vivos derrotados deixam “souvenir tokens” colecionáveis ​​que podem ser colocados dentro de uma máquina perto da área inicial. Depois que a equipe depositou (coletivamente) três fichas, um item de um uso apareceria. No meu caso, foi o “Kindle Pop”, uma substância doce que é polvilhada no chão e, em seguida, inflamada com um tiro da minha pistola. O caminho de fogo incinera qualquer zumbi tolo o suficiente para ter me seguindo até ali, e ficando em chamas a tempo de também queimar qualquer carcaça ambulante que chegue muito perto.
  • E sobre a popular Mystery Box? Não encontrei nenhuma em nenhum dos meus playthroughs, mas isso não significa que ela não esteja escondida em algum lugar. Dito isso, fui capaz de comprar uma vasta gama de armamentos poderosos que foram espalhados por todo o parque de diversões de Spaceland, grande parte retirada do modo multiplayer de Infinito Warfare.
  • Quando a nossa partida começou, a primeira tarefa era restaurar a força em Spaceland – uma meta que não conseguimos atingir tão bem, mas conseguimos ter um gosto do tipo de recompensa que isso poderia nos proporcionar. Após desbloquear algumas áreas comuns, me deparei com uma área que ativou um gerador e que por sua vez me deu a opção de gastar algum dinheiro para acionar uma armadilha em uma das atrações de Spaceland. Neste caso, um enorme motor de foguete enorme apontado diretamente para o chão, que destruía todos os zumbis nas proximidades. Não tenho certeza se isso prejudica os seus companheiros de equipe… não deu tempo de checar isso.
  • Um novo sistema de cards parece funcionar bastante como o sistema de escolha de habilidades especiais no modo multiplayer. Após o carregamento, fui capaz de controlar a ação de cards via controle do PS4. Diferentes cards proporcionam efeitos diferentes quando ativados: um deles me permitiu armar uma railgun com munição infinita para 30 segundos de puro caos, em outros adicionei um efeito de fogo para zumbis atingidos por minha munição. Não sei bem quantos deles existem, mas é uma nova estratégia interessante para o jogo.
  • Além dos zumbis padrão, podemos explodir palhaços em rodadas de bônus. Também enfrentamos um enorme zumbi com uma cabeça ainda maior que solta lazer e pode fritar um jogador. Ouch!
  • Vale a pena mencionar a trilha sonora, com hits dos anos 80 que vão de Twisted Sister, Animotion, The Specials, entre outros.
  • Paul “Pee Wee Herman” Reubens faz um misterioso diretor de filmes de terror por trás de um massacre, e David Hasselhoff é, aparentemente, o DJ do parque. Então você já sabe o que esperar.
  • Por enquanto é só! Zombies in Spaceland deve dar um respiro e vida nova para a clássica fórmula da série de Zumbis. Estou ansioso para jogar mais quando a versão for lançada para Call of Duty: Infinite Warfare no PS4, em 4 de novembro.

Os comentários estão fechados.

Por favor, informe a sua data de nascimento.