Multiplayer de Call of Duty: Infinite Warfare Tem um Ar Familiar, mas Renovado

1 0
Multiplayer de Call of Duty: Infinite Warfare Tem um Ar Familiar, mas Renovado
Multiplayer de Call of Duty: Infinite Warfare Tem um Ar Familiar, mas Renovado

Já falamos muito sobre o modo campanha de Call of Duty: Infinite Warfare, mas ainda não nos aprofundamos muito no modo mulitplayer – sem dúvida, o modo mais aguardado de qualquer FPS que se preze – até agora.

Infinity Ward está dando um passo ousado na série Call of Duty e você poderá comprovar isso em Novembro. Mas, apesar de suas armadilhas de alta tecnologia, Infinite Warfare tem um ar bastante familiar aos veteranos e fãs mais recentes de COD. Sid e eu jogamos algumas partidas de do multiplayer de Infinite Warfare e ficamos bastante impressionados com a capacidade do game em equilibrar o velho e o novo. Aqui vão alguns detalhes de nossa primeiras impressões:

  • No geral, o desenho do mapa parecia um tanto original, assim como o estilo de jogo em comparação com Black Ops 3. O combate foi definido nos corredores estreitos de uma estação espacial, levando a encontros próximos e ataques surpresa. Enquanto a gravidade não foi afetada durante o jogo, inimigos derrotados flutuam lentamente em direção ao teto.
  • Jogamos os modos padrão TDM e Dominação, mas também um modo viciante chamado de Defender, em que equipes competem para manter o controle de uma bola que é periodicamente transportada à sua posição de desova inicial. Enquanto carregam a bola, os jogadores não são capazes de usar suas armas, mas sempre podem passar o objeto para um companheiro nas proximidades – ou mesmo o jogar nas cabeças dos inimigos caso as coisas saiam do controle.
  • O modo multiplayer de Infinite Warfare mantém o mesmo sistema de movimento de Black Ops 3, incluindo slides, wallrunning e boosting aéreo. Notei que granadas pareciam ter um pouco mais de tempo de pré-explosão, e me senti um pouco mais pesado em comparação com Black Ops 3.
  • Jogamos com seis personagens selecionáveis em Combat Rigs e ​​semelhantes ao modo Specialists de Black Ops 3. Cada um vem com vários complementos e uma arma especial carregada conforme o andar do jogo. Stryker pode equipar uma Gravity Vortex Gun que dispara e abre buracos negros; Synaptic, um droid de combate pode equipar metralhadoras duplas integradas; Merc pode equipar uma Steel Dragon, uma arma de feixe multi-alvo.
  • A minha favorita? A Eraser, uma pistola bastante poderosa, com número limitado de balas, e que instantaneamente vaporizam qualquer um infeliz o suficiente para atravessar o seu caminho.
  • Criar uma classe mostra um grande número de classes, da classe padrão Rifleman até a pesada Rapid Response e a Point Blank, mais focada no uso da shotgun. Sid preferiu uma classe rápida chamado de Duelista, equipado apenas com duas pistolas.
  • A seleção expansiva Scorestreak incluia tudo, desde UAVs tradicionais, a bombardeamentos de armas via satélites, até a convocação de um mech R-C8 que parecia um cruzamento entre um endoesqueleto de um Terminator e um tanque de guerra.
  • Falando em armas, é cheio de armas com poder de fogo de alta tecnologia, de carabinas balísticas adaptadas, pistolas-metralhadoras de tiro duplo e rifles de energia, slug throwers, espingardas sonoras, lançadores de granadas sci-fi, e armas de feixe. E olha que nem estamos descrevendo todo o arsenal – a seleção é enorme e variada.
  • A Type 2 chamou minha atenção por um pequeno detalhe. É uma SMG que pode ser separada em duas para garantir maior efetividade durante combate de curto alcance, tudo isso apenas pressionando o botão de Triângulo.
  • As descrições da armas incluem pequenos detalhes que tornam o jogo um pouco mais “divertidos”. Por exemplo, os tiros triplos da devastadora pistola Hailstorm graças ao upgrade do cilindro.
  • Não tivemos tanto tempo assim pra testar tudo, mas pudemos experimentar as minas criogênicas que retardam os inimigos, um Dome Shield para resistir a ataques, e uma grande variedade de outros tipos de granadas.
  • Não tivemos tanto tempo assim pra testar tudo, mas pudemos experimentar as minas criogênicas que retardam os inimigos, um Dome Shield para resistir a ataques, e uma grande variedade de outros tipos de granadas.
  • Os mapas mostram toda a criatividade dos desenvolvedores, como em Frost, um lindo mapa na lua Europa com uma vista estelar de Júpiter no horizonte. Já em Throwback fomos transportados para uma antiga cidade norte-americana.
  • Também descobrimos que a versão beta de Infinite Warfare será lançada para o PS4 em Outubro.
  • Por hora é isso!

Os comentários estão fechados.

1 Comentário

  • Uaifay_Bahiano

    Esse jogo deve ser massa!!!!! Pena que nao tenho ele!!
    tenho um PS3 com cod ghost e cod advanced warfare

Por favor, informe a sua data de nascimento.