PlayStation.Blog BR

Amigos, Inimigos e Mercenários: o Multiplayer de Salt and Sanctuary Detalhado

0 0
Amigos, Inimigos e Mercenários: o Multiplayer de Salt and Sanctuary Detalhado

Se você ainda não conhece o nosso jogo, olá! Nós somos a Ska Studios, um time de marido e mulher que vem fazendo jogos indies sangrentos e deliciosos nos últimos oitos anos (como assim?). Nós estamos trabalhando em um jogo chamado Salt and Sanctuary, um jogo de plataforma insanamente ambicioso que quer capturar a essência de jogos dos gênero “Soullike”. Imagine Salt and Sanctuary como um jogo de plataforma 2D sólido, e explore e desenvolva o recheio do jogo com maravilhosas mecânicas, opções de dificuldade e perigo, combate complexo e estiloso, e com contrução de personagens versátil e ramificada.

Salt and Sanctuary

Uma das coisas mais legais de RPGs são as dinâmicas dos grupos de party, mas até um ano atrás Salt certamente era apenas um jogo de exploração. Nós queríamos explorar o multiplayer cooperativo, e talvez um pouco de PvP, mas como? Multiplayer online era (e ainda é) um sonho meu muito doido, mas confie em mim: gameplay online é um completo pesadelo de se implementar em qualquer lugar, e o desenvolvimento em PS4 ainda é bastante novo para nós. Então nós ficamos com a ideia de mercenários.

Salt and Sanctuary se centra em volta de santuários. Um santuário tem o mesmo papel de uma bonfire, arhcstone, Hunter’s Dream: é um lugar para descansar, reabestecer e quando a situação ficar feia: renascer. Em Salt and Sanctuary, os santuários podem ser populados com NPCs aldeões. Pequenas estátuas estão espalhadas pelo mundo, e colocar uma estátua no altar de um santuário invoca permanentemente um aldeão daquele tipo para o santuário.

Amigos, Inimigos e Mercenários: o Multiplayer de Salt and Sanctuary Detalhado

Salt and SanctuarySalt and Sanctuary

Os mercenários facilitam o modo cooperativo. Colocar uma estátua de mercenário em um altar invocará um mercenário. Falar “Contratar” para o mercenário permite que um segundo jogador pegue um controle. Esse novo segundo jogador ou jogadora pega um mercenário de sua lista, participa, e fica feliz!

Ter um companheiro presente muda algumas coisas: a vida dos inimigos aumenta e seus golpes também. Orações de cura ajudam jogadores cooperativos em um certo raio de alcance. Uma oração de Revive pode até fazer uma aparição. A sinergia é algo que eu gostaria de viver em Sant anos atrás antes de implementar o modo coop, e Michelle e eu sempre balanceamos os builds dos personagens como nós fazemos em Dark Souls 2: um tank e um invocador de magias.

Salt and Sanctuary

Mas o mercenário não só conecta aventureiros com bravos companheiros, ele também vende Eggs of Wrath. Quebrar um desses ovos no universo de Salt é uma tradição de guerra, com o significado de iniciar uma batalha. Sendo assim, quebrar um ovo Egg of Wratch inicia imediatamente o PvP. Assim que a batalha começar ela só terminará quando alguém morrer. Mas não tema! Seu companheiro caído será encontrado vivo e bem no próximo santuário ou altar que você visitar.

PvP em Salt and Sanctuary é uma fera interessante. Nem todas as lutas serão justas, mas todas as lutas tendem a ser interessantes. Administração de estâmina e focus (conjuração de feitiços), parries e counters, I-frames cruciais e alcance de armas são extremamente importantes. E por conta da natureza do ovo Egg of Wrath, você pode muito bem iniciar PvP com seu aliado em qualquer lugar . Chefão? Fica mais interessante se for todos contra um. Precisa de um saco de porradas humano para testar aquela sua nova espada que você acabou de criar? Quebre esse ovo.

Nós avisaremos quando Salt and Sanctuary será lançado, e será logo. Enquanto isso, esperamos que você tenha gostado da nossa curta incursão das incríveis mecânicas do game.

– James e Michelle, Ska Studios

Por favor, informe a sua data de nascimento.