Primeiras impressões sobre quatro títulos para PlayStation VR2

0 0
Primeiras impressões sobre quatro títulos para PlayStation VR2

Nós tivemos a oportunidade de usar os controles PS VR2 Sense e mergulhar em jogos ambientados nos mundos de Resident Evil, The Walking Dead, Star Wars e Horizon.

Iniciamos 2022 revelando o design do PlayStation VR2, com headset moderno e os controles inovadores PS VR2 Sense. Depois disso, compartilhamos mais detalhes sobre a experiência de usuário do PS VR2, como a exibição transparente e a área para jogar personalizável. 

O design estiloso e os novos recursos são incríveis, mas jogar é acreditar quando se trata de RV. Nossa equipe da PlayStation está muito animada com a oportunidade de compartilhar as primeiras impressões com os próximos títulos para PS VR2. Continue lendo para saber mais sobre nossas experiências com jogos da Guerrilla, Capcom, Skydance Interactive e ILMxLab.

Horizon Call of the Mountain

Eu lembro de ter sentido algo mágico na primeira vez que joguei Horizon Zero Dawn, quando a Aloy olha para o horizonte estando em cima de um Tallneck para revelar uma nova parte do mapa e um visual mágico. Essa sensação foi ainda mais intensa na primeira vez que eu olhei para cima, vi uma torre Tallneck e segui o meu caminho no Horizon Call of the Mountain. A partir do momento que eu coloquei o headset PlayStation VR2 e passeei por lugares que me pareciam tão familiares, eu percebi que eu nunca tinha experimentado a beleza e os perigos do ambiente Horizon dessa maneira. 

Minha demonstração de primeiras impressões me colocou na perspectiva de Ryas, um soldado desacreditado da Shadow Carja que logo precisa sobreviver na natureza selvagem. Encontrar as máquinas em escalas realistas, pelos olhos dele, foi de arrepiar. Você simplesmente não imagina o quanto um Snapmaw é grande até que um deles surge na frente da sua canoa! O feedback tátil nos controles PS VR2 Sense fez o peso de cada máquina parecer muito real e eu respirei fundo quando ouvi os Grazers passando por mim. 

As coisas ficaram melhores quando comecei a correr pelos desfiladeiros e consegui um arco e flecha. Segurar meu arco e lançar as flechas em uma batalha contra um Watcher me fez sentir todo o amor que eu tenho pela série Horizon. O movimento das mãos e a mira pareceram muito precisos e realistas com os controles PS VR2 Sense, da precisão do posicionamento das mão ao escalar a torre de um acampamento até a tensão no meu arco quando eu vou atirar uma flecha. A experiência é extremamente fluida, com a barra de vida aparecendo de maneira decorativa na luva da minha mão direita, em vez de ocupar um espaço na tela. Horizon Call of the Mountain foi imersivo a ponto de fazer meu coração disparar e me deixou ansiosa para jogar de novo.

– Kristen Zitani

Resident Evil Village

A Capcom me convidou para voltar ao Castle Dimitrescu para uma experiência de sobrevivência de terror ainda mais imersiva com uma demo de primeiras impressões no PlayStation VR2. O mundo gótico do Resident Evil Village se destaca graças à tecnologia OLED, 4K do PS VR2, acentuando os detalhes das esculturas de gárgulas e dos vasos com pintura ornamental. Antes do Village, eu joguei muitas horas do intenso modo PS VR do RE7, e jogar sua sequência no PS VR2 parece uma evolução natural. Os magos do desenvolvimento da Capcom parecem ter encontrado a fórmula graças à alta taxa de atualização e aos visuais vívidos do PS VR2, e me senti confortavelmente imerso nas paredes estranhas do castelo. 

A experiência em primeira pessoa do Village já era empolgante no PS5, e o PS VR2 oferece uma experiência ainda mais profunda. Fiquei feliz ao descobrir que uma faca, antes usada em momentos muito específicos, agora pode ser lançada em inimigos que estão um pouco mais longe. Segurar a arma e a faca ao mesmo tempo também dá uma sensação heroica e eu mal posso esperar para explorar todas as opções de armas na altura da cintura.

Um pouco depois na demonstração, as filhas da famosa Lady Dimitrescu atacam e sequestram você. O feedback tátil no headset PS VR2 treme de repente, simulando a experiência de ser arrastado para os aposentos da mãe delas. Ao enfrentar Lady Dimitrescu, o poder de imersão do PS VR2 faz a estatura dela parecer muito mais imponente. Ser perseguido por ela já era intimidador antes, e será muito mais angustiante com o PS VR2.

– Tim Turi

The Walking Dead: Saints & Sinners – Chapter 2: Retribution

Os personagens do universo de The Walking Dead se destacam por sua independências e seus reflexos rápidos. Foi interessante perceber que essas qualidade serão recompensadas ao jogar essa sequência da Skydance Interactive para PS VR2. O FPS de sobrevivência me lançou nesse mundo perigoso ao digitalmente anexar armas de fogo, armas de combate corpo a corpo e uma mochila a diferentes partes do meu corpo no jogo. Levar a mão ao meu ombro esquerdo para pegar a mochila e procurar suprimentos em tempo real, enquanto os walkers se aproximam, é uma experiência intensa.

Os combates contra walkers são estudados e tensos. Fiquei impressionado com a precisão dos controles PS VR2 Sense ao acompanhar minhas mãos enquanto eu segurava um machado de fogo, tentando fazer o movimento perfeito para acertar a cabeça de um walker. A precisão também é importante nos combates. Encontrei walkers vestindo algumas peças de armadura, o que demandou uma precisão cirúrgica com uma katana para acertar os pontos vulneráveis. 

Também é divertido explorar todo o arsenal disponível, incluindo pistolas, submetralhadores, fuzis de assalto, espingardas, arcos e muito mais. A atenção que a Skydance deu aos detalhes e expressões dos jogadores transforma algumas mecânicas de jogo como a recarga das armas; Eu me senti um herói de filme de ação quando eu recarreguei minha arma de cano duplo com um movimento rápido. Eu me senti fantástico ao aproveitar todo esse arsenal em tempo real enquanto lidava com a chegada de walkers, e já estou animado para mergulhar na aventura completa.

– Tim Turi

Star Wars: Tales from the Galaxy’s Edge – Enhanced Edition

Depois de quase 40 anos jogando, é muito fácil para mim ter excesso de confiança em um tiroteio virtual. Décadas de memória muscular facilitam a tarefa de pegar a arma certa para qualquer situação. Mas quando encontrei pela primeira vez a Guavian Death Gang em Batuu, com o headset PS VR2 bem posicionado, eu me vi literalmente procurando a arma certa, confuso e atrapalhado enquanto olhava todos os meus bolsos, algibeiras, correias e cintos em busca da arma certa, enquanto o áudio e o feedback tátil ofereciam uma experiência imersiva.

Naturalmente, estou falando isso de um ponto de vista positivo e empolgado! A sensação de “caramba, estou cercado” é totalmente diferente quando seu corpo de verdade precisa coordenar os movimentos e o gerenciamento do inventário. Isso criou uma tensão incrível enquanto eu desviava em busca de cobertura, procurava armas em inimigos caídos, e enfrentava uma gangue para encontrar minha carga perdida. Além disso, momentos como recarregar as armas manualmente e usar a precisão dos controles PS VR2 Sense para mexer em pequenos botões nos meus pulsos foram intuitivos e satisfatórios. Como é evidente em relação a qualquer novo controle ou experiência, tive muito o que aprender no início. Eu fui me acostumando rapidamente, e fiquei ansioso para saber para onde o jogo me levaria.

Essa missão em Batuu é a primeira de muitas, e o jogo explorar diferentes eras e temáticas. Nessa aventura eu era um técnica de reparo de droides em busca de sua carga, e outras histórias colocam o jogador na perspectiva de um Jedi, ou até mesmo de um IG-88. Alguns dos cenários vão proporcionar encontros com personagens icônicos como R2D2, C-3PO e Yoda (dublados por Anthony Daniels e Frank Oz, respectivamente), a cantina central e todos os personagens ajudam a construir uma ambientação tão incrível quanto a do parque Star Wars: Galaxy’s Edge na Disneylândia. E estamos falando de realidade virtual!

– Brett Elston

Participe da Conversa

Adicionar Comentário

Mas não seja mala!

Please be kind, considerate, and constructive.

Deixe uma resposta

Por favor, informe a sua data de nascimento.